sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Procura-se um novo sapo...

Um dia eu julguei não ser merecedora de um amor. Um em específico. Estaria eu enganada? Até ontem eu ainda acreditava. Não mais. Algo se quebrou.

Depois de exatamente 6 anos novamente a dor que eu pensava que nunca mais ia sentir. A dor que alguém me prometeu que eu não sentiria mais. "Confie em mim". A mesma dor que me fez desistir de lutar por um grande amor por me julgar incapaz de aturar determinada situação.

Eu sinto a mesma dor, por que mais uma vez eu confiei demais.

Um hora o mundo desaba em tua cabeça, culpa minha. Confio cegamente. Amei intesamente. Novamente aquela dor que rasga o peito e que queima. As lágrimas ainda persistem. Por que eu?
Por que alguém me faria acreditar no amor eterno para me causar tamanha dor?

Respostas eu não tenho. Alguém um dia irá pagar por esses traumas deixados por outras pessoas. Infelizmente é assim. A desconfiança e o desinteresse iniciais.. até que novamente eu vou confiar e acreditar "Confie em mim".

Dói tanto.Quando uma mulher some, desaparece.. alguém ainda ousa lhe pedir perdão. Tarde demais. Sou uma sonhadora e sempre estarei em busca de sonhos, mesmo que eles me façam sofrer como agora. Ainda sonho com muitas coisas e não será uma pessoa que destruíra eles.

Vou continuar em busca do amor, de um falso principe encantado ou de outro sapo. Não será mais uma decepção que me fará desistir de acreditar em contos de fadas. Dói. Mas sempre haverá outro peito quente e um abraço apertado para uma mulher derramar suas lágrimas.

Novamente vou ter que reaprender a confiar. Reaprender a amar. Recomeçar.

Nunca substime a "intuição" de uma mulher.

6 comentários:

Youko Watanabe disse...

Lucí..

Você esteve comigo numa das fases mais dificeis da minha vida né? Essa transição da aborrecência que ainda estou, mais a mudança brusca da Bahia pro Rio..
Olha só como o tempo passou e posso dizer de peito aberto que vc contribuiu para meu crescimento.
E quando eu falo de Lucí pros meus amigos é com muito orgulho, uma mulher cheia de sonhos e que acredita neles até o ultimo instante;
Eu falo como se conhecesse pessoalmente, pq é como se fosse assim..
Quero ser como você, que nunca deixa de sonhar mesmo com decepções.
E esse sentimento amizade que nasceu atraves de blogs da vida, é muito importante para mim.
E busque sim, sempre o amor.
Força em tudo, estou com você.

Uma frase:
"Todos os dias Deus nos dá um momento em que é possível mudar tudo que nos deixa infelizes.
O instante mágico é o momento em que um "sim" ou um "não" pode mudar toda a nossa existência."
(Autor desconhecido)

Beijos da Sandy Bochechas

pirajussaralondon disse...

É complicado, é triste, mas faz parte desse jogo chamado vida, o que não vale é desisitir, tomará que em breve você volte a ter um abraço apertado. BJUS e fique com DEUS

Pelos caminhos da vida. disse...

Olá amiga!

Quem perdeu não foi você,não era pra ser.
São com perdas e mais perdas que amadurecemos.
Força,muita luz pra vc.

beijooo.

esparadrapo disse...

eu gosto da sua doçura... e admiro a eloquencia do seu silencio. obrigado por vir me visitar.

Nanda Assis disse...

fiquei sentida ao ler seu post, apesar da esperança que nele está clara. mas... fique bem, desejo tudo de bom e que vc seja feliz, com sapo ou príncipe, seja feliz.
bjosss...

Dora disse...

Lucí, muito interessante o que você escreveu lá pra mim...mas me deixou feliz. Feliz principalmente porque já te disse um sem fim de vezes que para mim você é muito especial. Já disse que me identifico muito contigo também. Afinidade é sempre muito bom.
Sobre as decepções que você fala aqui, são muito tristes. Só quem já sentiu pode avaliar um pouco da dor... e parece ,es,o que alguma coisa quebra. Mas as coisas sempre se consertam... não se preocupe.
Quando a gente passa por isso, nem sempre a gente consegue vislubrar um futuro em relação a essa área da nossa vida, você consegue. Como eu. Eu também sou assim, teimosa demais. Nunca deixe, Lucí, que certas decepções tragam amargura pra dentro de você. Elas não valem a pena. As situações passam, com o tempo quase nem lembramos mais delas e só fica a amargura.
Ainda bem que você pensa assim também e já antevê que vai voltar a sentir tudo de novo. Ainda que corra o risco de passar por tudo de novo. Mas é a vida. E quem está na chuva é pra se molhar mesmo... Vamos adiante. Você é forte e corajosa. Maior perda será para quem te deixar escapar. Não se preocupe, você muito singular para passar despercebida da alegria.
Cheiro bem grande, florzinha.
[Dona Baratinha quem falou]