terça-feira, 30 de setembro de 2008

Um pouco de psicologia...

Na faculdade tive um professor fantástico de Psicologia. Estavamos acomodados, acostumados a tudo muito fácil e ele chegou abalando, queriamos tira-lo. Ele chegava gargalhando e dizia:"Eu que não vou perder meu sono por causa de vocês, é isso mesmo o que eu quero, reações!". Ele tinha razão. Nunca mais esqueci o que aprendi com ele, e perdi noites de sono. (risos)

Um pouco sobre o comportamento humano e sua percepção:

O comportamento humano é condicionado a "estímulos" e a cada estímulo ele dá uma "resposta", ou seja, o comportamento é a interação entre os estimulos do ambiente e as respostas que o sujeito dá a ele.

Um exemplo bem lindo e fofo.

Alguém te sorri. "É um estímulo de alguém".
Você sorri de volta. " É uma resposta ao estímulo".

Mais ai que entra a coisa mais linda e interessante da coisa, a tal da percepção.

Entre você dar uma resposta a um estímulo, existe a tal da percepção, que é como você percebe o estímulo, para dar uma resposta.

Outro exemplo lindinho.

Alguém te joga uma pedra. "É um estímulo".
Reação normal sua: Xingar a pessoa. "Resposta ao estímulo".

Mas.. e se vc não prestou atenção.. e a pedra era um engano. Você se preciptou.
Mas.. e se a pedra era pra te ferir bem mais forte, e você foi xingar a pessoa e ela estava armada.

Essa é a tarefa da percepção, te dar condições para você dar respostas aos estímulos, só depende da pessoa explora-la com atenção.

Então, a percepção é tudo. É como você interpreta a vida.

Moral da história: Mesmo quando a vida lhe apresenta um "estímulo", mesmo que isso te irrite, as vezes vale mais calar, do que dar uma resposta a esse estimulo, não precisa sair por aí mostrando suas cicatrizes e sua vida. Sua percepção pode falhar.

E como diria meu professor: "Eu que não vou perder meu sono com isso!" eu quero é reações!"

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Isso é saber vender...

Tenho passado alguns dias aborrecidos.

Aborrecimento com essa minha internet, VivoZap... nunca mais (dessa vez eles me pegaram, mas deixa o contrato terminar e fora que pelo menos umas 5 pessoas por dia vão ler isso, não assinem.. não vale a pena..Hahahaha!!!).

Aborrecimento por que foi uma semana de exames clínicos para saber como andam as coisas dentro de mim. Só o fato de ter que ir esticar meu braço para alguém enfiar uma agulha nele e encher vidrinhos.. isso é irritante ou tomar água até não suportar mais, pra deixar a bexiga transparente para fazer um ultrasom.. E depois a maratona pra se livrar da água que tomou.

Mas foi na segunda-feira, que apesar do aborrecimento eu me diverti. Estava lá eu sentada esperando para ser atentida, como sempre cabeça quase cheirando os pés (eu sei.. isso não é modo de uma moça sentar, mas essa é a minha forma aborrecida de sentar)..

Decido ir até a porta e como desgraça pouca é bobagem, bem na hora passa uma cigana vendendo 3 toalhas por 10 reais. Oferceu-me o produto. Eu educadamente recusei e agradeci.. Com ela estava uma menina que a chamava de mãe, então presumo que fosse a filha dela. Com a minha recusa a menina começou a me mostrar a lingua.

Minha reação: Mostrei a lingua pra ela também.

Consequência: A menina abriu um berreiro que teve gente na rua que parou pra olhar deduzindo que eu tivesse batido na menina.

O que a cigana mãe fez? Aproveitou para oferecer as toalhas pra quem parou pra ver. Isso sim que é empreendedorismo. A cada recusa, um chorateu e possibilidades de novos clientes. Eu deveria levar % nas vendas.

terça-feira, 23 de setembro de 2008

Piriquito Parte II

Pois é.

Por onde começar o relato?

Bom, primeiro se surtiu algum tipo de curiosidade em você que le, aconselho a ler o penúltimo post: O Piriquito.

É ai que começa a história.

De quem foi a culpa?

Eu achava que Cascão era inocente.

Era.

Descobri que ele teve sua parcela de culpa.

Eles largaram o Piriquito morto em algum canto. Cascão achou. Cascão trouxe para baixo de minha cama.

Descobri isso domingo a noite. E felizmente ele não matou... mas ficou a ocultar o corpo. Então ele é no mínimo cúmplice do culpado.

Ocultação de cadaver também é crime.

*Minha conexão de primeiro mundo não está permitindo-me a visitas e postagens regulares, mas eu espero que isso logo se resolva*

sábado, 20 de setembro de 2008

Youko...

Hoje uma amiga está de aniversário, Youko do Estranha "Garota Perfeita".
Muito a dizer. Muito a calar. Uma história sem fim. Felicidades.



**18 anos só se fazem uma vez na vida!**

*Eu juro que a imagem era vermelha no meu computa*
*Um final de semana cor de rosa a todos*

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

O Piriquitooo...

CASCÃO


O Piriquito da vizinha morreu.
De quem foi a culpa?
Do Cascão.

*Eu acho que o bichinho morreu de frio, fome e de água suja*
*Cascão come a melhor ração não ia matar o piriquito dela*
*E fora que o Cascão não é o único gato da vizinhança*


O aniverário de uma das meninas dela está chegando, vou dar um de presente, mesmo sabendo que um não substitui outro, mas o que dói é saber que não vai ser cuidado.

Quem matou o Piriquito da vizinha?


Meu gato que é super bem cuidado ou os maus tratos e desleixo dela com o bichinho?

Ela diz que foi meu gato, mesmo sem ter visto.

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Dois Mundos-Ed Motta

*Dois Mundos - Ed Motta*

Tenha fé em tudo que acredita
Dois mundos distintos são
Deixa o seu destino agir
Guiar seu coração

O paraíso sem igual
Num mundo cheio de amor
Viver assim traz tanta paz
As pegadas sobre areia fina

Dois mundos distintos são
Deixa o seu destino agir
Guiar seu coração

Vou sobre as árvores viver
A família ver crescer
Viver assim traz tanta paz
Ter coragem, recomeçar

Com toda sua força
Reconstruir um novo lar
Na vida que segue
Perigos vai encontrar

Palavras não curam a dor
De um coração que se partiu
Mas não é fim
Só basta crer

Alguém agora está chamando
Dois mundos distintos
Deixa o seu destino agir
Guiar seu coração
*Tenham todos uma boa semana. Uma música muitas vezes representa o que sentimos e não dizemos. Estou aqui, deixando o meu destino agir, guiado pelo meu coração. Saudades de ti*

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Felicidade...

"Você pode dizer que eu sou um sonhador,
mas não estou sozinho nisso.
Espero que um dia você se junte a nós,
e o mundo será como se fosse um só."

John Lennon

Você já descobriu o que é felicidade pra ti?
Por que a felicidade é totalmente relativa.

Conheço gente que para estar feliz precisa ir a festas, fumar, beber e trocar de namorado como troca de roupas. Para mim isso não é felicidade.

Sou uma pessoa feliz. Tenho tudo que gosto e preciso perto de mim. Livros, internet, animais e poucas pessoas que eu amo. Para outras pessoas isso não é felicidade.

Ser um sonhador, assim como Jonh Lennon, no fundo todos somos. Mas as vezes perdemos o controle sobre o que sonhamos e acreditamos que somente seremos felizes quando esses sonhos forem alcançados. Isso infelizmente é impossível.

Por que assim como ele, eu também imagino um mundo melhor e sonho com isso. Um mundo onde não haja preconceitos velados, miséria, doenças fatais, mortalidade infantil, injustiça entre tantas outras anomalias que assolam a modernidade.

Mas eu não fico a espera que meus sonhos aconteçam para eu ser feliz.

Ser/estar feliz o momento certo é quando você sabe que está reclamando do que não deveria reclamar. É só olhar a sua volta e ver que outras pessoas muitas vezes não tem nem suas necessidades básicas como: moradia, alimentação, educação, saúde.

E você reclamando ou questionando a felicidade?

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

A menina e sua bola!

Sabe quando acontece algo inofensivo e repercurte de uma maneira que não deveria?

Foi assim. A menina e a bola!

Em alguns sábados que já passaram. A menina e seus "amiguinhos" (menina de 12 com amiguinhos de 14, 16), estavam todos em frente da casa jogando futebol. A bola perdeu o controle e veio parar na minha sacada.

Bom, a menina veio pedir para a proprietária da casa (a vizinha do antepenúltimo post). A vizinha não quis entregar. Ninguém veio pedir nada para mim, nem a menina e nem a vizinha. Eu olhei a bola ainda estava na sacada.

Na mesma noite, os vizinhos saem. No domingo seguinte eu acordo com a menina e seus amiguinhos jogando futebol com a mesma bola.

Qual pergunta se passou pela minha cabeça: "Como a bola que estava na minha sacada foi parar na mão dela?".

Perguntei a vizinha se foi ela que pegou, ela afirmou que não. Aqui de casa ninguém entregou. Chegamos a conclusão que alguém pulou as sacadas para pegar a bola. O detalhe que para chegar a minha sacada, tem que passar no mínimo por mais duas. São sobrados parede a parede. Por baixo, portão vive trancado, não tem como pular, por que é até em cima.

A menina moleque pulou. No outro dia, o proprietário foi até a casa dela falar com a mãe da menina. Vai que sumisse qualquer coisa além da bola, tipo um tênis.. ela seria a culpada.

Sei que ontem eu recolhendo algumas coisas da sacada, passa um menino que mora a algumas quadras daqui e pergunta quando foi que roubaram meu tênis.

Sabe telefone sem fio. Foi assim. De uma brincadeira de crianças passou para roubo. E eu que não tive nada haver com a história estou como vilã pelas crianças, por que elas acham que eu inventei o roubo para prejudicar a menina. E ninguém me pediu a bola, se tivessem apertado o interfone e pedido com educação nada disso teria acontecido.

Mas uma menina de 12 anos ainda não sabe o que é educação. Prefere pular muros como macaca do que pedir. E eu pago pela fofoca e má educação dos outros.

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Meme

Fui clicada pela Carol do ...nO mUnDo dA LuA... para fazer esse Meme.

*Eu fiz uma pequena alteração, eram Sete coisas, eu alterei para três, por que eu tenho uma enorme dificuldade em fazer listas assim (risos)*

1- Três coisas que faço bem:
  • Pensar - Vivo muito bem com o meu interior.
  • Observar - Nada passa despercebido aos meus olhos.
  • Escrever - Eu tento fazer bem, mas eu gosto, então acho que consigo fazer bem.
2- Três coisas que não faço e não sei fazer:
  • Pão - Já tentei, mas não nasci para padeira.
  • Auto maquiagem - Mal consigo passar um rímel de forma descente.
  • Dirigir - Ainda não tentei, mas tenho medo só em pensar.
3- Trê coisas que me atraem no sexo oposto:
  • Inteligência - Não prcisa ser "Doutor" em nada, ter diploma. Tem que ter papo bom.
  • Charme - Não precisa ser lindo. Precisa saber usar o que tem.
  • Vaidade - Não precisa ser um metro, mas precisa, cheirinho, barba feita, unha cortada.
4- Três coisas que não suporto no sexo oposto:
São as mesmas três coisas que me atraem, só que em excesso.
  • Inteligência - Ninguém suporta um cara super inteligente, chato.
  • Charme - Aquele fulano que sabe que é feio, mas que se faz de gostoso.
  • Vaidade - Homem que concorre com mulher em vaidade, não dá.
5- Três coisas que digo com freqüência:
(haha será que tenho que dizer a verdade!)
  • Biscatedo - Trocando os canais de tv, enquando aparecem cenas impróprias para menonores de 14 anos.
  • Vai morder teu pai na bunda - Sempre que Cascão anda atras de mim, miando.
  • Ahh Zé! - De cada dez, palavras que dirijo ao sapo.
6- Três atores/atrizes que eu gosto;
  • Winona Ryder
  • Tom Hanks
  • José Wilker
7- Três atores/atrizes que eu detesto;
  • Juliana Paes
  • Débora Seco
  • Marcelo Serrado.
8- Três filmes que eu detestei;

Caramba, essa eu não tenho nem como tentar responder, geralmente quando começo a ver um filme e não gosto, eu paro de assistir e nem guardo o nome.
9- Três filmes que eu adoro;
  • V de Vingança
  • Jogos Mortais
  • Meu primeiro amor.
10- Três livros favoritos;
  • Solo de Clarineta - Érico Verissimo
  • As Valkirias - Paulo Coelho
  • Série Crepusculo (Lua Nova, Eclipse, Amanhecer) - Stephenie Meyer.
11- Três coisas legais nos últimos dias:
  • Voltei a pintar as unhas, depois de meses.
  • A esperança de mudança.
  • Descobri que amo demais o sapo.
12- Três constatações inúteis:
  • O que o homem vê no futebol?
  • Por que minha barriga ronca mesmo cheia.
  • Eu sempre tenho sono leve.
*Desafio a todos os que se interessarem a responder o Meme*

terça-feira, 9 de setembro de 2008

ABC...

Hoje eu acordei com uns gritos:"-Sua burra! Sua idiota! Sua otária!... etc.. etc...".

De onde vinham? Do mesmo local de sempre. Da cozinha da vizinha. Que fica beeem próxima ao meu quarto. Os motivos? Os mesmos de sempre. Ela estava "ajudando" a filha nos deveres de escola. O detalhe é que a menina está em fase de alfabetização.

É assim que ela graciosamente ajuda a filha. A menina chora. Afirma para todo mundo que não gosta de estudar. Por que será? Por que todas as manhãs ela passa pela sessão tortura. A menina mesmo diz que não sabe nada por que é burra.

O que a mãe está fazendo com a auto-estima dessa criança? Isso é abuso psicológico. O pior de tudo que isso não está ajudando em nada a menina. Já estamos em metade-final do ano e a menina não consegue acompanhar a turma. E fora ainda que se der um vento mais forte, uma chuva fraca, ou a mãe tiver que sair, ela já não manda a menina para escola, isso ainda que a menina vai de carro, e a escola é duas quadras daqui, imagina se tivesse que andar quilometros em estrada de chão como no interior. Seria analfabeta.

Eu fico tão revoltada quando ouço ela gritar tanta coisa para uma criança de 6 anos. Não posso fazer nada em relação a isso, mas eu já disse a ela que quando não tiver tempo pode mandar a menina para minha casa que eu ajudo ela fazer as tarefas. Ela nunca mandou.

Pense... você viajando para China, Japão.. países que usam um sistema alfabético diferente do nosso, e tente ler o que eles escrevem. Consegue? Não né. Assim é a criança quando tem contato com as nossas letras. E seremos burros por não compreender? Não.

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Arte com Giz...

Julian Beever


Hoje vou apresentar um artista das ruas a quem ainda não o conhece: Julian Beever.

Ele é um artista inglês que faz desenhos tridimensionais utilizando giz.

É um trabalho que se utiliza da técnica que cria uma ilusão de ótica 3D quando a imagem é vista a partir de determinado ângulo. Ele também é conhecido como: "Pavement Picasso". Por que será? (risos)
Simples?




Complexo?




O mesmo desenho, dois ângulos diferentes...


Como é feito?
(Vê quem pode, olha quem gosta!)
No Brasil....
Em Porto Alegre - RS: Na Redenção, O whisky Passport trouxe o artista, que fez a obra abaixo em 3 dias, para um evento que destaca artistas de rua.



Site...
Julian Beever

Gostaram?
Tenham um final de semana cor de rosa!

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

História para boi dormir!

Dia: Ontem, cedo da manhã!

Fato: Por onde começar? Hummm. Pelo começo, bem pelo começo. A algum tempo atrás conheci uma moça, em um centro de recuperação, ela assim como eu tem alguns problemas de saúde, fez a retirada de um pedaço do cérebro, devido ela tomar muitos remédios (errados) ele paralisou. Agora ela está em uma fase de manutenção.

Os pais dela ontem a trouxeram até minha casa (sem me avisar!) e praticamente imploraram que eu a ajudasse fazer o trabalho de escola dela. Até por que eles vinham me ligando e eu dizia que não tinha tempo (não me julguem! espero eu concluir a história!).

Em duas horas eu ditei 8 trabalhos a ela. Ditado! Ela não pensou uma virgula! Até tentei fazer com que ela pensasse um pouco, mas digamos que eu sou ouvia: "eu não consigo!".

Depois de tudo praticamente pronto, ela só precisaria passar a limpo. O que eu ouvi:"ahh eu acho que não tá bom, o dos outros ficou diferente!".

Reação minha: Caramba! É sempre assim, por isso que eu não queria ajudar! Por que pra ela nunca está bom. O dos outros é sempre melhor. Se ela não confia em si mesma, não dúvide da minha capacidade. Eu sei bem o que faço e sei o quanto eu posso fazer. E outra: "se sabia como era pra ser feito, por que não fez.. ou por que não pediu para quem sabe fazer! (eu senti uma fúria dentro de mim!) isso basicamente foi um resumo das muitas coisas que eu falei. Eis que eu escuto um sonoro: "é eu não tenho vontade de fazer nada!". Se coloquem em minha situação, eu sempre tento ajudar essa pessoa, mas ela não se ajuda! Ela não confia nela mesma e mesmo pedindo ajuda pra mim, não confia no que eu faço. Eu me garanto!..

Reação dela: Chorou.

Nova reação minha: Mandei engolir o choro, por que ela estava muito mal acostumada. Eu não era nada dela pra ficar passando a mão na cabeça dela. Falei o que ela precisava ouvir, não vou ficar mimando ninguém. Acorda pra vida. Problema todo mundo tem. Pedir ajuda não é defeito. Agora não querer se ajudar e esperar que todo mundo faça as coisas por ela, é o cúmulo e sempre ficar reclamando.

Reação dela: Chorou.

Moral da história: Se você não sabe fazer algo e pede a alguém que você julga saber, confie nessa pessoa, até por que você não tem outra alternativa. Se você não sente vontade de fazer nada, não espere que as pessoas tenham vontade de fazer as coisas para você e ainda ouvir você reclamando.

Final: (acho que por um bom tempo... ela não me procura mais!) Isso estragou meu dia! Passei o dia todo com muita dor de cabeça!

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Alteridade

Um dia um amigo disse que "As pessoas que tinham blogs eram depressivas". Bom, como não era de se esperar, eu discordei. Continuo discordando.

É em Blogs que se conhecem mais profundamente alguém. Por que ninguém que escreve um blog em sua maioria quer ser reconhecido pela sua vida feliz e seu rosto bonitinho, o que difere bem de outros sites de relacionamento.

Gostamos de ser reconhecidos, por nossas palavras. E cada um busca uma forma de se expressar.

Alteridade:
É compreender e aprender com o outro, através das diferenças. É muito fácil reconhecer semelhanças, mas aprender conviver com as diferenças, é digno.

Eu aprendo com todos os blogs que entro, exatamente com a diversidade: Alguns eu apenas silenciosamente admiro, são aqueles cujos textos são dignos de grandes escritores. Tem os que me divertem. Alguns blogs nostalgicos, me trazem lembranças gostosas. Alguns me acrescentam informações ainda desconhecidas, outros ainda tem sentimentos, e tem aqueles que me fazem olhar um determinado assunto com outra ótica.

Por isso, não somos depressivos, somos pessoas que extravasamos nossos sentimentos através de palavras e fazemos trocas através de nossas diferenças. Isso é cultura, não é depressão.

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Pura coincidência?


Uma fatia de cenoura parece um olho humano. A pupila, íris e linhas raiadas são semelhantes ao olho humano... e SIM, a ciência agora mostra que a cenoura fortalece a circulação sanguínea e o funcionamento dos olhos.



Um tomate tem quatro câmaras e é vermelho. O coração é vermelho e têm quatro câmaras. Toda investigação mostra que o tomate é de fato um puro alimento para o coração e para a circulação sanguínea.





As uvas crescem em cacho que tem a forma do coração. Cada uva assemelha-se a uma célula sanguínea e toda a investigação hoje em dia mostra que as uvas são também um alimento profundamente vitalizador para o coração e o sangue.



Uma noz parece um pequeno cérebro, com hemisférios esquerdo e direito, cerebelos superiores e inferiores. Até as rugas e folhos de uma noz são semelhantes ao neo-córtex. Agora sabemos que as nozes ajudam a desenvolver mais de 3 dúzias de neurotransmissores para o funcionamento do cérebro.



Os feijões realmente curam e ajudam a manter a função renal e sim, são exatamente idênticos aos rins humanos.



O aipo, o bok choy, o ruibarbo e outros são idênticos a ossos. Estes alimentos atingem especificamente a força dos ossos. Os ossos são compostos por 23% de sódio e esses alimentos têm 23% de sódio. Se não tiver sódio suficiente na sua dieta o organismo retira sódio dos ossos, deixando-os fracos. Esses alimentos reabastecem as necessidades do esqueleto.


Berinjelas, abacates e pêras ajudam a saúde e o funcionamento do ventre e do cérvix feminino – eles são parecidos com esses órgãos. Actualmente a investigação mostra que quando uma mulher come um abacate por semana, equilibra os hormônios, não acumula gordura indesejada na gravidez e previne cânceres cervicais.
E que profundo é isto?... Demora exatamente 9 meses para se cultivar um abacate da flor à fruta. Existem mais de 14.000 componentes químicos fotolíticos em cada um desses alimentos (a ciência moderna apenas estudou e nomeou cerca de 141).

Figos estão cheios de sementes e estão pendurados aos pares quando crescem. Os figos aumentam a mobilidade e aumentam o número de esperma masculino, assim como ajudam a combater a esterilidade masculina.



As batatas doces são idênticas ao pâncreas e de fato equilibram o índice glicémico de diabéticos.




Azeitonas ajudam a saúde e o funcionamento dos ovários.



Laranjas e outros citrinos assemelham-se a glândulas mamárias femininas e realmente ajudam à saúde das mamas e à circulação linfática, dentro e fora das mamas.



As cebolas parecem células do corpo. A investigação atual mostra que a cebola ajuda a limpar materiais excedentes de todas as células corporais. Até produzem lágrimas que lavam as camadas epiteliais dos olhos...



* Recebi esse conteúdo por email de minha amiga Dora, do Blog Roubando Palavras. Eu achei muuuuuuuuuito interessante. Espero que gostem *