sábado, 29 de novembro de 2008

Carpinteiros do universo, nós somos...


Carpinteiro do universo inteiro eu sou.
Não sei por que nasci

pra querer ajudar a querer consertar
O que não pode ser...
Não sei pois nasci para isso, e aquilo,
E o inguiço de tanto querer.
Raul Seixas

Aqui em casa a maioria das brigas com meu marido são por que muitas vezes eu fico a martirizar por coisas que eu não posso mudar, ai ele me diz:

"Tu tem que entender que tem coisas que são assim e você não pode mudar. Precisam existir coisas ruins para existir as boas, não adianta sofrer, você não vai mudar o mundo!"


Ontem eu estava a escutar essa música do Raul Seixas e penso que todos nós somos Carpinteiros do Universo, pois nós que fazemos as nossas escolhas, sejam boas ou más e através dessas escolhas é que construimos os caminhos.

Infelizmente as vezes esbarramos em caminhos que foram criados por outros e que não fizeram as melhores escolhas e sofremos as consequências.

*Bom final de semanas a todos*

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Situações...

Conforme a vida vai voltando ao normal, é que ficamos sabendo o tamanho do caos. Conversando com amigos, retomando contatos perdidos é que sabemos que a tragédia aconteceu bem pertinho e todos sem excessões sofreram, e todos seres vivos estão precisando de ajuda.

Situação 1:

Segunda com a retomada do meu marido ao trabalho, alguns funcionários e amigos não apareceram, suas casas foram destruidas. Um comentou que salvou um cavalo. Conforme a água foi subindo. E ela subiu rápido. O cavalo estava amarrado, e com água praticamente até a cabeça, o cara nadou..desarramou o cavalo que saiu nadando e foi até a um lugar seco. Você faria isso? Arriscaria sua vida pra salvar a vida de um animal? Eu faria.

Situação 2:

Conversando com uma amiga pelo msn, terça.. e ela:

Lu.. eu não sabia o que estava acontecendo, eu fiquei sem luz até hoje, sem ver tv, e quando eu vi.. eu chorei tanto. Sabe aquela casa que a moça filmou bem na hora o barranco caindo?

Eu: Não eu não vi, cheguei a um ponto de nao querer ver tv..

Ela: O menino trabalha aqui comigo, ate hj ele não apareceu.

Situação 3:

Um amigo de meu marido na volta do trabalho contou que a água subiu tão rápido que só deu tempo dele colocar a mulher e a filha em cima do telhado.. quando foi pegar a cachorrinha, que estava com filhotes.. ela saiu nadando desesperada.. e ele nao a viu mais. E la no telhado eles ficaram ilhados até a água baixar.
A menina chorava desesperada por perder o bichinho dela. Quando voltaram a casa, a cachorra estava assustada escondida em cima do guarda-roupas. Os filhotes? Morreram todos.

Situação 4:

Amigos que moram em uma cidade, que até corpo apareceu boiando, voltaram dizendo que o cheiro está insuportavel, devido aos animais mortos encontrados.. porcos, galinhas.

***

Minha intenção não é chocar. Essa é uma pequena amostra de muitas histórias que aconteceram com pessoas queridas, algumas bem mais tristes que eu preferi omitir em respeito as pessoas. Final felizes e tristes. TODOS precisam de ajuda.

***

Ainda reforço meu pedido de auxilio aos animais. Com pessoas tem milhares ajudando, mas poucos doam o seu tempo a ajudar os animais. Link Ong Viva Bicho ali do lado--->>

***

Obrigada a todos!

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Tudo nos seus lugares

Ontem desabei. Depois de dias engolindo o desespero, alienada, fingindo de que tudo o que aconteceu estava bem longe de mim. Mentindo para mim mesma. Não a tragédia foi aqui pertinho, chegou até a rua abaixo e aqui de cima eu vi o desespero, acompanhei pela Tv.

Ontem chorei. Estava anestesiada, tentando disfarçar que o caos nem foi tão grande assim. Foi e chegou bem perto.

A enchente avassalou o estado, que não é de minha origem, mas foi o que eu escolhi de coração para viver. Não perdi pessoas. Mas conheço pessoas que perderam tudo, tudo que com o tempo se recupera.. e pessoas que perderam pessoas que são irrecuperaveis.

Nunca fiquei sem água por tanto tempo, se o abastecimento não voltasse ao normal já estava entrando em desespero, segunda a noite, ligando para tudo que é lugar, e já não tinha mais água para vender, por que os caminhões de entrega não chegava a região.

No supermercado, os comerciantes aproveitando-se da desgraça alheia colocando os preços lá em cima, chegando ao absurdo de se pagar uma Coca 2l 4,50. Como fazer comida em casa? Não tinha como fazer? Tudo comprada, os preços lá em cima e a demora para a entrega.

Nessas horas o dinheiro teve utilidade. Tem pessoas que não tem mais onde morar, sem dinheiro e sem comida, contando somente com a ajuda dos outros estranhos, e bons de alma.

Meu marido está trabalhando em Itajaí, uma cidade próxima onde a enchente foi pelo rio, o que é pior do que a nossa, que foi pela chuva, enchente de rio é pior, quando a chuva passa todas as águas vão para o rio e a enchente aumenta.

Ele encontrou um pessoal que havia saqueado um supermercado e viu que eles só pegaram bebidas e cigarros e perguntou o por que eles não pegavam comida.. e um deles: "Já que vamo morre tudo afogado, vamo morre bebendo e pitando". Absurdo!

Aqui agora está tudo normal, já tenho água em casa, minha casa em ordem. O proprietário se mexeu, arrumou a infiltração.. fez de tudo. Mas ontem caiu a ficha e toda vez que eu via na tv sobre São Paulo, outros lugares que alagavam parecia tão distante, mas foi perto, aconteceu comigo e com pessoas que eu amo, aconteceu com meu irmão, com meus amigos..

*Uma observação: A Ong Viva Bicho, é uma instituição séria, reconhecida na região pelos trabalhos que ela faz em prol do animais, um trabalho que é feito a anos, durante todo o ano, eu conheço alguns volntários, eles não estão aproveitando do momento para arrecadar dinheiro das pessoas. Felizmente são pessoas sérias. Tem um link para o site ali do lado ->>*

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Sou uma gota d`água... *SOS-AJUDEM*

*Chorei tanto quando recebi esse email, sinto-me inútil diante do mundo*

PESSOAL PRECISAMOS DE AJUDA!!!

NÓS PRECISAMOS DA AJUDA TAMBÉM DE TODOS, POIS ESTAMOS FAZENDO O QUE PODEMOS PARA SALVAR OS ANIMAIS! PRECISAMOS MUITO DE DOAÇÕES DE RAÇÃO, POTES DE AGUA E COMIDA! TANTO PARA O CANIL QUANTO PARA OS DA RUA!

DEVIDO A ESSA SITUAÇÃO TRISTE E LAMENTÁVEL, MUITO ANIMAIS ESTÃO PRECISANDO DE AJUDA URGENTE! MUITOS ANIMAIS MORRERAM E MUITOS OUTROS PODEM MORRER SE NÃO FOREM AJUDADOS!

SABEMOS QUE EXISTEM PESSOAS PRECISANDO DE AJUDA E SOCORRO URGENTES, MAS OS ANIMAIS TAMBÉM PRECISAM DE NOSSO SOCORRO! PARA AJUDAR PESSOAS EXISTEM MILHARES DE OUTRAS PESSOAS SOLIDÁRIAS, INCLUSIVE NÓS VOLUNTÁRIOS DA ONG, MAS PARA AJUDAR OS ANIMAIS A CADA MIL TIRA UMA!

ELES NÃO TEM COMO PEDIR SOCORRO, NÃO PODEM SE AJUDAR SOZINHOS! NÃO FALAM, MAS SENTEM COMO NÓS!

POR ISSO, QUEM PUDER AJUDAR OS ANIMAIS AJUDEM, DÊEM COMIDA AOS QUE VEREM NAS RUAS, ABRIGUEM OS PERDIDOS, TENTEM SALVAR OS QUE ESTÃO EM CASA ILHADOS, ENFIM, SALVEM ESTES SERES DESESPERADOS, COM MEDO, FOME, FRIO, SAUDADE DA FAMÍLIA...... AJUDEM!!!!

EM ITAJAÍ A SITUAÇÃO ESTÁ CRÍTICA!!! MUITOS ANIMAIS ILHADOS PRECISAM SER RESGATADOS, OU AO MENOS LEVAR COMIDAS PRA ELES! O PESSOAL DOS BARCOS NÃO ESTÃO DEIXANDO LEVAR ELES....

POR FAVOR, PEÇO A TODOS QUE PUDEREM AJUDEM OS ANIMAIS DE SUA CIDADE! FAÇAM ALGUMA COISA, NÃO DEIXEM MORRER POR FALTA DE COMIDA, AFOGADOS... TANTO CÃES, GATOS, CAVALOS.. O QUE FOR.. AJUDEM!!!

ONG VIVA BICHO

Site Viva Bicho

Como ajudar

terça-feira, 25 de novembro de 2008

*Tudo que vai... sempre volta!*

Ahh essa é uma certeza que sempre tenho: Tudo que vai, um dia volta.

Semana passada estava eu a olhar alguns emails enviados, estava organizando o que valia a pena organizar e o que deveria ser excluído de vez. Eis que encontro esse:

Enviado dia 31 de dezembro de 2006


*** Bom essa é uma mensagem especial a ti ...
Obrigada por reaparecer na minha vida em um momento tão delicado e muito obrigado por ainda manter-se nela ***

Charles Chaplin

Ei! Sorria... Mas não se esconda atrás desse sorriso...
Mostre aquilo que você é, sem medo.
Existem pessoas que sonham com o seu sorriso, assim como eu.

Viva! Tente! A vida não passa de uma tentativa.
Ei! Ame acima de tudo, ame a tudo e a todos.
Deles depende a sua felicidade completa.

Não feche os olhos para a sujeira do mundo, não ignore a fome!
Esqueça a bomba, mas antes, faça algo para combate-lá, mesmo que se sinta incapaz.

Procure o que há de bom em tudo e em todos.
Não faça dos defeitos uma distancia, e sim, uma aproximação.

Aceite! A vida, as pessoas, faça delas a sua razão de viver.
Entenda! Entenda as que pensam diferente de você, não as reprove.
Ei! Olhe... Olhe a sua volta, quantos amigos...

Você já tornou alguém feliz hoje?
Ou fez alguém sofrer com o seu egoísmo?

Ei! Não corra. Para que tanta pressa? Corra apenas para dentro de você.
Sonhe! Mas não prejudique ninguém e não transforme seu sonho em fuga.

Acredite! Espere! Sempre haverá uma saída, sempre brilhará uma estrela.
Chore! Lute! Faça aquilo que gosta, sinta o que há dentro de você.

Ei! Ouça... Escute o que as outras pessoas têm a dizer, é importante.
Suba... faça dos obstáculos degraus para aquilo que você acha supremo, mas não esqueça daqueles que não conseguem subir a escada da vida

Ei! Descubra! Descubra aquilo que há de bom dentro de você.
Procure acima de tudo ser gente, eu também vou tentar.

Ei! Você... não vá embora.
Eu preciso dizer-lhe que... te adoro, simplesmente porque você existe.

(Tem coisas que escrevemos que fazem todo o sentido, o que vai sempre volta e eu acredito e espero sempre essa volta).

***
Aqui a chuva deu uma tregua. Faz sol. Ainda estamos sem água, a água já escoou, não estamos mais ilhados, mas nada se pode fazer quando não se tem água para lavar, limpar.. é só esperar e agradecer por nada pior ter acontecido, ainda tem lugares que a situação é crítica.

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Estado de calamidade pública

Estive por dois dias ilhada.

Ninguém entrava e ninguém saía da minha cidade. Choveu em excesso.

Estou sem água potavel (só comprada!). Dois dias sem banho. Com um monte de roupa suja, molhada. A casa fedendo. Banheiro fedendo.

Na minha cidade teve gente que perdeu tudo, tem casas que a água foi até a altura da janela. E aqui?

A água não veio de baixo, veio de cima, escorria como cachoeira pelas paredes. Passei final de semana todo praticamente sem dormir. Com tudo molhado, em cima da cama! E marido tentando diminuir a água que empoçava no chão.

Nós? Irritados! Até final de semana saimos daqui. Uma coisa é vc ter que aguentar já que a casa é sua. Outra é vc pagar pra acontecer isso e ainda o dono vir de piadinha. Lógico na casa dele não choveu!..

Por aqui deu!...

Tudo podia ser pior, eu sei! Tem locais que fazem dois dias que estão sem luz! Eu tinha luz, mas só hj pude ligar o computador.

Ah! Eu nem sei mais o que escrever, estou indignada, pertubada e preocupada, previsões para mais sete dias! E sabe o que é pior, o dono não mexe aquela bunda gorda dele pra nada, pq é um vadio que gosta de ganhar dinheiro fácil. Meu marido já esta ralando desde as 6 da manhã, já disse pra ele o que ele precisa fazer pra acabar com a infiltração.

E o bunda mole? Ta dentro de casa, deitado.. só no love. Esperando sabe o que? O aluguel, que venceu sábado, mas ele não tem coragem de cobrar. Estamos com o dinheiro na mão, mas de castigo ele não vai receber, não que vamos ficar devendo, pq sempre pagamos o mês adiantado, simplesmente esse dinheiro vai pra qualquer outro lugar que nós encontrarmos.

O Cascão? No primeiro dia andava pela casa, sem entender o que aconteceu e pulava molhado em cima da cama. No segundo dia ele não quis mais saber de sair da cama, ele entendeu que o chão não era o melhor lugar.

Marido? Este está a ponto de bater no pançudo do proprietário!

E pela manhã eu sou acordada com: "-Ohh Lu, se vc precisar de água a gente tem!".
Eu com o cascos virado: "-Não se preocupe... aqui o que mais tem é água!".

A mulherzinha engoliu em seco e virou as costas.. Ahh vai sifu..tbm! Eu posso ser a pessoa mais educada do mundo, mas minha paciencia foi pro espaço!

E eu? Ainda com a casa semi molhada, pq a chuva que caiu não foi brincadeira. É só dar uma busca no google pelo estado de Santa Catarina que vcs vão entender do que eu estou falando.

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Nostalgia: A menina e a chuva

Ainda chove. Chove muito.

A chuva não me ajuda a dormir, mas ajuda a pensar. Olhando a chuva que lembro as fases da minha vida e elas tem saltado a minha cabeça. Nostalgia.

Sempre amei dias de chuva e frio (menos para dormir).

Lembro eu voltando da escola, quase em casa, era uma rua sem calçamento, cheia de buracos, quando chovia virava uma lama só, eu vinha correndo e pulando nas poças d`água e de longe já via minha mãe na janela aos berros.

E eu continuava pulando. Lógico que não escapava da cinta quando chegava em casa.

Minha mãe era um doce. Primeiro ela me dava um banho, roupas secas e um café.

Depois batia.

"Quando o sol bater
Na janela do teu quarto,
Lembra e vê
Que o caminho é um só"


Bons tempos que não voltam mais!
*Bom final de semana a todos*

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Músicas de infância...

"Manhã de sol..
Meu iaia meu ioiô"
"Quem me dera ser um peixe..
para em seu limpido aquario mergulhar"

"Ilarie ilarie..
Ô Ô Ô
É a turma da Xuxa que vai dando o seu alô"


"O seu nome eu escrevi na areia..
as ondas do mar apagou..
em cada por do sol.."

Culpa da novela que despertou meu lado musical.

É eu assisto novelas. E eu gosto tá! Gosto não se discute se lamenta!

Chamas da vida. Ôh tá boa! A música de abertura é a primeira. que coloquei o trecho.

Eu cantei muito essa música quando criança. Eu escrevi todas como lembro que cantava, que embalaram minha infância, não sei se estão corretas as letras. Só sei que cantava e era feliz.

Detalhe eu tinha menos de 8 anos. Gosto musical não conta nessa idade.


*Alguém lembra alguma música que cantava muito quando criança?*



*Bom final de semana e que o sol que apareceu permaneça!*

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Chuva para dormir, pra quem?





"Chove chuva, Chove sem parar!"
Biquini Cavadão



Nessa maravilha do atlântico sul, fazem semanas que não para de chover. Longe de mim, ousar reclamar, afinal tem muitos lugares que essa chuva faz falta e eu entendo que é necessário. Porém tem um detalhe:

EU SOU CHATA PARA DORMIR!

Tenho um sono muito leve. Tem pessoas que só em ouvir um barulho de chuva já saem com a pérola: "Ah! Hoje vai estar bom para dormir!.

Bom para quem? Só se for para ela.

Nesses últimos dias eu mal tenho dormido, aquele barulhinho no telhado, na janela, o vento, as calhas. Tudo me acorda...

Previsão para a semana:
Mais chuva!
Previsão para mim: Mais noites mal dormidas!

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Síndrome de Down

Ao assistir ao Teleton esse final de semana e uma discussão amigável em casa, em que meu marido críticou a forma como o programa expõe as crianças e eu debati que essa era uma forma de sensibilizar pessoas saudáveis que reclamam da vida em ajudar.

Veio uma lembrança muito gostosa. Meu pai e uma prima que tem Síndrome de Down. Eu sei que o programa não é direcionado as pessoas com essa deficiência, mas só o fato de falar em algum tipo de deficiencia despertou algo adormecido.

Eu tenho uma prima, Maria. Ela já deve estar com 40 anos. Filha da irmã de meu pai. Ela se dava muito bem com meu pai. Era uma das sobrinhas que meu pai mais demostrava afeto e carinho.

Ela tem algumas manias. Anda sempre com um rádio a pilha ouvindo música. Um gato como companheiro e não fica sem banana.

É essa lembrança que me veio : meu pai chegando em casa, dizendo que tinha comprado pilha ou banana pra levar pra Maria quando fosse ve-la, isso ao menos 3 vezes na semana.

E aquela alegria do encontro dos dois. Saudade. Senti orgulho de meu pai.

É nessas horas que penso, meu pai fez muita coisa errada, mas também acertou em muitas coisas.

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

BLOGAGEM COLETIVA: Epigrama nº 2

Algumas pessoas não se conformam quando eu digo que eu sou feliz!

Quem realmente me conhece, sabe dos problemas que tenho, um até sem solução imediata ou que dependa da minha vontade para se resolver.

As pessoas dizem que não sabem de onde eu tiro forças e se estivessem em meu lugar estariam em desespero e infeliz.

É simples. Já fiz de tudo! Chorei, gritei, sofri, resolveu? Não. Desisti de lutar contra, hoje eu luto a favor.

Luto a favor de minha paz! Sem desesperos, sem pressa! Minha hora vai chegar. De uma forma ou outra! Aceitar apenas isso. Conformismo sem perder as esperanças!


*Epigrama nº2 - Cecília Meireles*

És precária e veloz, Felicidade.
Custas a vir e, quando vens, não te demoras.
Foste tu que ensinaste aos homens que havia tempo,
e, para te medir, se inventaram as horas.

Felicidade, és coisa estranha e dolorosa:
Fizeste para sempre a vida ficar triste:
Porque um dia se vê que as horas todas passam,
e um tempo despovoado e profundo, persiste.



*Blogagem Coletiva é uma proposta do Blog: Na dança das palavras em homenagem ao aniversário de Cecília Meireles*

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Meme 3x4

Nome: Lucí

Idade: 26

Local de Nascimento: Em uma cidade do interior do RS, não vou divulgar o nome por que não estou afim de encontrar entradas do google através desse nome.. (rs).

Peso: Não me preocupo mais com isso, por uma dessas é que minha saúde foi pro lixo.

Altura: 1,62 e meio (pra quem tem pouco o meio faz a dferença).

Apelido de infância: Tantos. Lucibanda. The flash. She Ha. Menininha.

Qual é a sua maior qualidade? Senso de responsabilidade.

E seu maior defeito? Intolerância.

Qual é a característica mais importante em um homem? Além dos aspectos morais, inteligência. Um homem inteligente te faz passar o tempo sem ser chato.

E em uma mulher? Amizade sem competição.

Qual é a sua idéia de felicidade? Paz interior.

E o que seria a maior das tragédias? Sofrer para morrer.

Quem você gostaria de ser se não fosse você mesma? Alguém com muito dinheiro, por que eu tenho muitas idéias para ajudar os outros, mas me falta a grana.

E onde gostaria de viver? Em um lugar bem afastado das pessoas. Meio do mato, sem acesso, porém com luz, água encanada e internet.. é pedir demais?

Qual é sua cor favorita? Ah eu sou multicolorida. Depende do dia, da hora.. mas eu gosto de rosa, lilás, vermelho..

E o seu desenho animado? Alguém lembra do Cavalo de Fogo? Nossa.. eu parava tudo pra ver a princesa Sara. Hoje eu assisto desenho raras as vezes, os atuais não me caem ao grado, quando vejo é só o Bob Esponja.

Quais são os seus escritores preferidos? Luiz Fernando Verissimo, Érico Verissimo, Lya Luft, Paulo Coelho.

E seus cantores e / ou grupos musicais? Legião Urbana, Cássia Eller, IRA!, Roupa Nova.

O que te faz feliz instantaneamente? Um sorriso sincero quando estou triste.

Quais dons você gostaria de possuir? Pensei muito nisso quando criança e como via muito o Chaves e o Chapolim eu queria ficar invísivel.

Tem medo da morte? Não. Não se pode temer o inevitável.

Quem é seu personagem de ficção favorito? Eu já curti o Magaiver (não lembro como escreve!) Domingo no incio da tarde estava eu la vendo ele.

Qual defeito é mais fácil de perdoar? A curiosidade (rs).

Qual é o lema de sua vida? "Devagar e sempre!"

Qual sua maior extravagância? Não sou extravagante. Penso nos minimos detalhes.

Qual sua viagem preferida? ¬¬

Se pudesse salvar apenas um objeto de um incêndio, qual seria? Meu travesseiro de estimação. Ele dorme comigo a mais tempo que meu marido.

Qual é o maior amor de sua vida? "Procuro um amor, diferente de todos que amei, nos seus olhos eu quero descobrir uma razão pra viver e as feridas dessa vida eu quero esquecer". Eu já o encontrei. Meu marido..meu companheiro a alguns anos, que me ensinou que eu não estou só e que o amor existe.

Onde e quando foi mais feliz? Eu fui e sou feliz. Acho que cada época da minha vida a felicidade teve um sentido. Quando criança eram as brincadeiras, na asdolescencia as festas..e hj é minha paz.

Qual é sua ocupação favorita? Ócio.

Pensa em ter filhos? Pensar sim, agora transformar o pensamento em realidade é outro departamento.

Quantos? Um já está de ótimo tamanho.

Um animal de estimação: O meu gato Cascão. Mas se fosse fazer minha vontade eu teria um zoologico em casa.

Uma atividade física: Pensar é atividade física? (rs)

Um prato que sabe fazer: Qualquer um. Mas prefiro aqueles que não dão trabalho e não fazem sujeira.

Uma comida que adora: Qualquer coisa que tenha como base o carboidrato.

Uma invenção tecnológica sem a qual não vive: Luz!

Gasta mais dinheiro com: Sou economica.

Uma inabilidade: Dirigir.

O que não faria em nome da vaidade? Usar peruca.

Uma mania: Ficar trocando de canais. Conversar com o gato esperando respostas que ele não pode dar.

Uma saudade: Dos que já partiram.

O primeiro beijo: Tem que contar? Foi com um dos meus melhores amigos de infância, nós frequentavamos a psicologa juntos. No inicio era uma turma e acabamos somente nós dois. Foi na escadaria do consultorio.. foi meu primeiro "namorado" também, ele tinha apenas um ano a mais do que eu, e se nós dois frequentavamos a psicologa juntos era por que problemas haviam, ele era hiperativo..era nada continua, ainda mantenho contato com ele pelo msn, nao conversamos tanto por que os horarios não batem, mas ainda é muito gostoso tê-lo como amigo.

*Desafio a quem tiver vontade em responder*
*Eu estive ausente, minha conexão não anda das melhores, aos poucos eu coloco tudo em dia*