quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Dedão no interfone!

Falam muito sobre mim, que eu sou mal educada, impulsiva, explosiva. O que ninguém sabe é que eu não me transformo de um momento para o outro e que eu acredito ter paciência, talvez um pouco mais limitada que as pessoas em geral, mas o que eu quero dizer é que eu vou colocando gotas de água e chega uma hora que o copo transborda.

No apartamento ao lado da minha casa, mora um casal que trabalha a noite e tem uma filha pequena. Eles chegam em horários diferentes pela manhã, primeiro o homem e depois a mulher, que chega e leva a menina pra escolinha pra eles dormirem. Eis o dilema, quando a mulher volta da escolinha, chega e coloca o dedão no interfone e não tira mais, o planeta inteiro acorda menos o homem!

Ninguém merece ficar com aquele barulho no ouvido, o interfone fica aqui bem ao lado da mesa do computador, só sinto um calor subir, a lingua coçar. A semana toda passada foi esse caos, sem brincadeira ela ficava mais de meia hora apertando o interfone, aí sexta já sem muita paciencia, peguei e abri o portao pra ela sem falar nada.

Ela sobe, e o que era ruim podia ficar pior, como nao foi o marido que abriu o portao, ele também não acordou pra abrir a porta. E ela ficou batendo e gritando na porta, por um tempão, e depois de quase 1 hora ele acordou.

Sábado, domingo... a mesma coisa e eu avisando Sr. Saponildo que minha paciência estava se esgotando com essa situação e ele: "calma, nao me faça fiasco!".

Sim, por que agora a fiasquenta sou eu, não ela que fica apertando o interfone.

Ontem a situação se repete, depois de uns 10 min. que ela apertava, abri o interfone e disse:
-"Sabia que tem mais gente que mora aqui? Então tira uma cópia da chave!" e abri o portão.

Bom a situação não se repetiu hoje.

E também dizem que eu só fiz isso por que estava camuflada e ela não saberia quem falou, talvez... mas quando eu perco a minha paciência nem eu sei dizer o que eu sou ou não capaz de fazer.

6 comentários:

Nanda Assis disse...

kkkkkk vc ta certa uai. povo folgadoo.

bjosss...

# Andreza. disse...

aaaah, não é falta de paciencia, é que uma hora fica meio chato mesmo, eu faria a mesma coisa u_u'
e esse marido heim, levanta da cama e vai logo abrir a porta, alias se sabe que a esposa vai chegar em um horario, espera ela chegar ora.

andrezareuter.com

circus disse...

É engraçado como as pessoas não pensam mais. Nem em tirar a porcaria de uma cópia da chave da própria casa... a gente vai parar onde? O mundo vai virar um sanatório, pode escrever.

Orlando Schlappkolh disse...

A tem pessoas que não desconfiam das coisas mesmos, é uma questão de educação que algumas pessoas não tem mais ''/

Mas enfim, espero que isso não se repita mais ai com você!

beijos

Ana Lu disse...

Ei Luci!
Achei que sua atitude foi ótima, afinal, não é tão difícil assim copiar a chave o.O
E como tem gente sem noção nesse mundo, Deus o livre, hahaha.
Beijoss

Renata Nogueira disse...

Você teve paciência até demais! Eu já teria dito o que você falou desde o primeiro dia..rs
Beijão