domingo, 22 de fevereiro de 2015

Cheiro de cama...

Por esses dias ao me perguntarem por que eu levantava tão cedo para me organizar para ir pro trabalho, tentei explicar que além de eu ter uma filha para arrumar eu também preciso tomar banho.
 
A pessoa tentou argumentar comigo que eu devia tomar banho antes de dormir e eu expliquei a ela que eu tomava, mas mesmo assim eu precisava tomar banho antes de sair de casa. Camuflei a verdade, disse que era pra eu despertar, não quis ser indelicada.
 
Explico-me.
 
Além do banho ser estimulante pela manhã, eu preciso também por que eu sinto "cheiro de cama". Não, minha cama é super limpinha, mas eu sinto cheiro de cama. É como se a pele em repouso soltasse algum tipo de química que eu sinto e o pior não é só em mim, qualquer pessoa que se aproximar de mim no período matutino eu reconheço quem tomou ou não banho. Não adianta mascarar com perfume, cremes, o cheiro de cama é perceptível para o meu olfato.
 
Faz parte das minhas perolas.
 
O mesmo ocorre pra dormir, preciso tomar banho, é preciso estar com a pele limpa e fresca. O mesmo quando chego do trabalho, é preciso tirar o cheiro de rua que fica na pele. Não são banho demorados, é uma chuveirada, sabonete e deu. Mas é preciso, e não adianta tentar ficar explicando certas coisas para as pessoas, elas jamais vão entender.

Nenhum comentário: