quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Vida real...

 
Vai bater...vai bater...
 
O som estrondoso da buzina!
 
E o caminho de volta pra casa interrompido...
 
A minha cabeça a girar e a pensar como a vida é frágil. Ela acordou no banco de traz. Ele saí pra fora do carro. Muita discussão.
 
Eu ali, envolvida com meus pensamentos. Tinha acabado de ler um email que recebi. E se aquele momento fosse o último, ele faria parte dos meus últimos pensamentos.
 
Eu ali parada, olhando para os estilhaços de vidro.
 
Não teve como não lembrar do livro "Um dia". A personagem principal morre e um de seus últimos pensamentos foi uma foto de infância e que o grande amor da sua vida estava a sua espera.

Nenhum comentário: