sábado, 4 de abril de 2015

oasis...

 
 
Eu estava olhando.. tenho tantos posts no rascunho nos últimos tempos, olhei-os pra ver se eram publicáveis. Não. Íntimos demais. Dolorosos demais. Preciso silenciar e remoer ainda mais.
 
Ninguém tem culpa, nem eu. Já marquei a consulta com a psicóloga, irmã de uma querida amiga, experiente, competente e todos os "entes" necessários. Apesar de já saber todos os tramites iniciais, parece que consigo visualiza-la falando e o que ela vai me dizer, sou uma auto ditada na psicologia e já coleciono alguns anos de terapia. É preciso. Preciso de ajuda. Preciso de ajuda por mim. Para mim, exclusivamente por mim.
 
Vamos juntar os cacos novamente? Aqueles que novamente você deixou esparramados por aqui, aqueles que mais uma vez você foge como um menino assustado ao quebrar o vaso preferido de sua mãe.
 
Não tenho mais 20 anos. Não vou esperar o tempo curar minhas amarguras. Preciso de ajuda imediata, antes que tudo vire uma bola de neve, que atrapalhe minha vida, meu trabalho e o resto que ainda tenho de dignidade e amor próprio.
 
Preciso de ajuda. Como eu lutei contra isso. Ninguém tem culpa e ninguém merece a minha dor verbal, visual. Tenho pessoas que precisam muito de mim, preciso estar inteira.
 
Amanhã é Páscoa!
 
Ressurreição....

Nenhum comentário: