domingo, 8 de março de 2015

Deixa pra lá...

Dizem que o que vale é a intenção, dizem também que devemos dar valor aos pequenos gestos.
 
Eu tento.
 
Quando acordei, ao descer a escada avisto flores em cima da mesa, bonitas sim, porem laranjas como a do dia das mães, em cima de uma caixa de bombons.. próximo.. escrito "Feliz dia das mulheres".
 
Até ai tudo bem...
 
O detalhe é que o bilhete foi escrito em uma folha dos cadernos de rabiscos da Lígia, em folha pautada e de caneta comum azul, com uma letra não tão esteticamente bonita, pelo menos não havia rasuras.
 
Um longo suspiro. Ignorei, o coração estava cheio de boas intenções, mas a pessoa esquece que eu sou detalhista, perfeccionista e que a embalagem é tão ou mais importante que o presente.
 
Dizem que lírios significam "amor eterno". Eu perdoei o detalhe. Será que o laranja tem uma simbologia especial.. por que algo me diz que no natal vem mais flor laranja, é sempre assim, quando o sujeito bate numa coisa.. vai longe, até eu reclamar.

2 comentários:

Asas Negras disse...

Então seria melhor ele simplesmente esquecer como é o comum?

Dora disse...

Andei por aqui, Lucizinha. Li uns posts e tal. Estamos numa época meio parecida da nossa vida. Incluindo certas nostalgias. Saudades, viu??