sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Vem rir comigo...

Esse ano eu decidi mudar mesmo antes de acabar o ano, não foi uma promessa, mas preciso de um pouco mais de leveza. Demonstrar carinho pelas pessoas faz parte dessa mudança. Carinho por quem se tem carinho, não dói... faz bem a mim e a quem recebe um pouco desse mimo. Foi assim no Natal, foi assim no Ano Novo, diferente de todos os ano anteriores, em que eu fiz de conta que era um dia qualquer, esse ano decidi enviar energias boas as pessoas que eu quero bem, seja de perto ou de longe..

 
Porém, I. se superou diante de tantas coisas boas pra desejar e esperar para esse ano, ela ainda pensa em arrumar um namorado. Ela é uma senhora, é pintosa, até arrumaria um realmente se assim quisesse, mas ela quer novinho.. aí complica.. complica.
 
Foi um daqueles momentos soltos, de gargalhadas e que a lei do retorno nos permite.

Nenhum comentário: