sexta-feira, 1 de junho de 2012

Não abusa

[...]

O silêncio dura desde terça- feira quando nos despedimos e eu pedi que ela me ligasse pra me contar se estava tudo certo, o silencio denunciava que ela estava a aprontar ou pior ainda o que ela tinha deixado de fazer.

Como eu sempre digo a ela: "eu tinha quase certeza, mas bem lá no fundinho eu tinha uma ponta de esperança". Sim eu sempre tenho essa ponta de esperança em se tratando dela, por que ela que me arranca sorrisos.

Liguei hoje de manhã apenas pra confirmar minhas duvidas do por que de tanto silencio. Sim ela não foi lá conforme o combinado. O estranho é que eu não me irritei, ela não consegue despertar esse meu lado, acho que isso acontece quando a gente encontra irmãos do coração.

Entre sorrisos e brincadeiras sobre seus defeitos, combinamos as mentiras que contariamos juntas, como duas adolescente que querem esconder algo da mãe. E no final:

"-Eu sei que você me aguenta, mas eu sei que você me ama..."..

Pois é, eu a amo, mas não abusa...

Não abusa mesmo....

[...]

2 comentários:

Ana Luísa disse...

Ei Lucí! Claro que você pode participar da brincadeira!! Já estou ansiosa pra ver seus trechinhos!! Beijo!!

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
ecos
de
la
tarde
callada
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
INSPIREME

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE THE ARTIST, TITANIC SIÉNTEME DE CRIADAS Y SEÑORAS, FLOR DE PASCUA ENEMIGOS PUBLICOS HÁLITO DESAYUNO CON DIAMANTES TIFÓN PULP FICTION, ESTALLIDO MAMMA MIA,JEAN EYRE , TOQUE DE CANELA, STAR WARS,

José
Ramón...