sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Quando vamos esquecer?


Todos os dias ainda chove. Acredito que assim como eu, todas as pessoas quando olham para o céu e vêem suas nuvens negras, sentem um aperto no coração.

Faço parte dos 10% que a chuva não atingiu em minha cidade, aqui de SC. Não tenho do que reclamar. A tragédia ainda está viva em nossa memória e quando vamos esquece-la? Não sei. Para mim toda chuva que cai é motivo de angustia.

Até essa calamidade acontecer, a chuva apenas me incomodava para dormir, assim como relatei em vários posts aqui mesmo antes de tudo acontecer. Ontem enquanto me revirava na cama para tentar dormir e a chuva caindo, pensei que por um bom tempo a chuva ainda dos deixará marcas e lembranças, mas eu ainda tenho onde tentar dormir e estou com quem eu amo próximo a mim.

Eu não perdi nada, as minhas paredes em que a água escorria como cachoeira ficaram manchadas, isso é coisa simples de resolver, meramente estética. Eu não perdi nada e ainda assim a chuva que cai tem me deixado triste pelas lembranças do que eu vi e ouvi.

A poeira está baixando, muitos que não passaram por isso vão esquecer, mas muita gente precisa de muita ajuda.

Estou desde terça-feira sem água. Ontem acabou a água da caixa. Para beber se compra. Mas tem roupas sujas, louça e a da caixa era somente para um banho rápido. Isso não é nada. Tem cidades que ficarão até 3 meses sem luz, sem água. Tem pessoas que comem e vestem sem escolhas e contam somente com a colaboração dos outros.

E por tempos ainda, as cidades levaram para se reerguer. E por tempos ainda a chuva irá nos causar panico. Parece mentira, mas é falar nela que ela aparece...

Começou a chover novamente...

*Desculpem-me por não ter os visitado, minha conexão está péssima *

~♥~


Esse selinho eu ganhei da Ana do Blog Pelos Caminhos da Vida, fico muito agradecida com a lembrança e com o carinho que ela sempre me atribui. Obrigada.

Repasso a:

Dorinha » .Roubando Palavras.
Cris » ...vou nessa

15 comentários:

Manuzica disse...

Lucí,
Eu que estou longe, sempre que sinto um pingo de chuva meu coração aperta, imagina vc..tão próxima de tudo.

Certas coisas a gente não esquece. Creio que essa tragédia seja uma delas. Mtas vidas ceifadas precocemente. Mas com o passar dos tempos o bom Deus vai acalmando os nossos corações..assim como eu rezo que ele faça com o teu e tds essas pessoas que sofreram com isso.

A vida é mto boa...mas não é fácil.

Bjos no seu coração.

Fica bem.

Diogo Caceres disse...

Bom dia minha amiga... realmente por um tempo isso ficará marcado na mente e coração dos que enfrentam essa dificuldade, mas o tempo e a coragem das pessoas superarão esses flagelos.
C/ fé e perseverança o sol interior de cada um sobrepujará as chuvas exteriores... que todos possamos ser solidarios uns aos outros nestes momentos, nos amando como irmãos que somos, p/ q a dor seja repartida e fique mais leve de se carregar!! Precisando de qualquer coisa amiga é só dar um toque...
Abraço e que Deus lhe permita uma excelente sexta, abraço!!!!

Izzie disse...

Essa tragédia de SC ficou na memória não só dos catarinenses e sim de todos os brasileiros que se comoveram e que acompanharam pela tv..
Dizem que a tv nao mostrou nem 25% da realidade vivida.. e são em momentos como esse que nosso povo mostra que somos unidos apesar das diferenças.

A chuva com certeza deve trazer esse aperto, mas com o tempo, tudo volta ao seu lugar.

*Lusinha* disse...

Imagino o quanto esteja sendo difícil mesmo.
Até pra gente daqui que já não ouve com tanta frequência sobre o assunto, quando ouço falar que as chuvas continuarão por ai, penso "e vão parar quando?"
Bjitos!

M a r i disse...

Quanto sofrimento né?
Até imagino o pânico de ver uma chuva começar já com medo de acontecer novamente.
Aff..

Beejs!

Jardineiro de Plantão disse...

Quando o Tejo andava solto, existiam grandes inundações no Ribatejo, com povoações isoladas e inundadas durante semanas... agora que está domado, nada mais é assim...

Mas na retina me ficou a força da natureza, quando assisti às imagens desses terríveis dias passados no estado de S.Catarina... especialmente o arrastamento de uma casa, demonstrando e bem, a voragem das águas.

Que a recuperação (a possível) seja bem rápida.

Abraços

Querido Diário Otário disse...

Eu sempre gostei de chuva mas depois que começou toda esse sofrimento das famílias ai de SC, dá um aperto no coração quando começa a chover.
Esperamos que tudo fique bem pra todos vocês, e que as chuvas acabem pra que esse sofrimento todo vá embora!

Fica com Deus, Besitos'

Tata disse...

Oi Lucí,

Vc sabe que quando chove aqui em São Paulo, fico pensando que a gente aqui só um pouco afastado, alguns kilômetros de distância, por mais que veja as fotos reportagens da tragédia que assolou Santa Catarina, não tem idéia do que foi isso. Do que se passou com essas pessoas que perderam tudo, coisas e pessoas.
A única coisa que posso fazer e fiz, foi ajudar a mandar ajuda, doações, e rezar para que esta chuva de uma trégua a estas pessoas que tanto já sofreram.

Fique bem!
bjus

Mari Martins disse...

Putz, deve ser a maior barra passar por isso. Eu também fico pensando aqui no Rio, quando chove, que qualquer chuvinha aí pode causar mais um desmoronamento ou coisa do tipo. Deve ser muito ruim ficar apreensivo assim, torcendo pra não chover. :\

Querido Diário Otário disse...

Ah obrigada Lucí, foi de grande ajuda!

Beijos'

Cadinho RoCo disse...

O que vive hoje o Estado e Santa Catarina é marca para sempre na lembrança. Entendo bem sua publicação porque não é pelo fato de estar a salvo que ficamos imunes à dor dos que estão próximos de nós. E daqui, de Minas Gerais, sinto-me por demais próximo a vocês. Conheci Santa Catarina faz tempo, mas a hospitalidade de vocês está em mim também para sempre. Receba minha solidariedade.
Cadinho RoCo

Diego! disse...

Que essa situação se resolva logo.
Vamos acreditar no poder de restauração que brota em cada um de nós depois de situações como essa.
Abraço!

Pelos caminhos da vida. disse...

Imagino como não esta sendo fácil amiga.

Bom dia!

Tem selinho da amizade la para vc.

beijooo

Quase Trinta disse...

Toda vez q começa chover aqui em SP e isso tem sido constante nas últimas semanas meu coração já fica apertado por causa das pessoas em SC.
Imagino o q vc esteja passando vivendo tudo isso de tão perto.
Fiz o que pude mandando os donativos mas ainda confesso que me sinto incomodada.
Estamos nos organizando pra ajuntar um grupo de voluntários pra ir aí, fazer o que for preciso, sempre é bom poder ajudar.

o que precisar vc diga ok?

beijos

Juliana Lira disse...

Lucí

Me sinto tão emocionada por você partilhar conosco suas angustias,e peço a Deus que olhe por todos que a chuva tão feroz feriu nestes dias.
Graças a Deus vc esta bem,graças a Deus não perdestes nada.
Recebe um abraço bem apertado.

Mil beijos