domingo, 9 de agosto de 2015

pai..

Minha vida teve grandes marcos e posso dizer que a perda do meu pai, foi o mais significativo deles. Perdi-o por duas vezes, perdi-o em vida e depois pra eternidade, a segunda com certeza foi o mais doloroso, antes ainda nos restava uma esperança de tudo ser como era, não foi. Ele partiu.

Partiu e doeu muito. Hoje não doi mais, mas deixa muitas saudades e lembranças.

E hoje nesse dia, quando vejo tantas homenagens é inevitavel lembrar dele, só me resta silenciar e marejar os olhos pelos cantos

...

Nenhum comentário: