sexta-feira, 1 de abril de 2011

"quem me dera..."


"Quem me derá acordar todas as segundas como eu acordo nas sextas!".

Esse foi um dos primeiros pensamentos que tive pela manhã, ao acordar, depois do celular dar o chilique costumeiro.

Sim, por que eu tenho problemas sérios pra acordar. Só levanto, por que hoje em dia eu tenho maturidade pra compreender que esse é um mal necessário, mas nem sempre foi assim.

Preciso de no mínimo umas 3 horas pra me sentir a vontade, ou seja, pra ser cordial e educada com as pessoas a minha volta, esse tempo diminui pra umas 2 horas se eu tomar banho. É .. o banho se tornou um habito muito mais pra apaziguar o meu mau humor, do que higienização.

Toda segunda é a mesma coisa, 5 e meia, celular toca. Eu durmo. (10 min) Ele toca. Eu durmo. (10 min)Sinto batidinhas no meu ombro, dizendo pra eu acordar que eu vou me atrasar. Levanto. Vou ao banheiro. Sento... penso, faço xixi, penso mais um pouco (uns 10 min). Volto pro quarto pegar a roupa pro banho. Sento na cama e penso (10 min). Levanto e vou ao banho, sento. (maiss 10 min).

Depois do banho a coisa se agiliza, só por a roupa, passar protetor solar, pegar a bolsa e sair de casa.

**

É, eu poderia acordar mais tarde, mas todos esses contratempos de "sentar e pensar", são necessários, pra eu me acordar, por isso acordar tão cedo!

**

Quando é quarta, o processo diminui drasticamente, levanto assim que o celular desperta, mas ainda levo um tempo no banheiro pensando.

**

Na sexta, é o melhor dia, levanto, tomo banho e fico pronta sem maiores traumas, mas toda sexta eu penso, logo é segunda e recomeça o sofrimento!

Um comentário:

Ana Lu disse...

Hahaha, eu sou igual Lucí! Ninguém entende porque eu coloco o despertador pra tocar às 6h se tenho que levantar 6h30min. Mas é que eu PRECISO acordar e saber que tenho mais um tempinho pra dormir. E durante a semana, minha velocidade pra levantar aumenta. Acontece que, como você, na sexta eu já acordo sofrendo, porque sei que a segunda está logo ali. Ninguém merece!