quinta-feira, 7 de abril de 2011

das coisas que acontecem só comigo *3*

Relato um fato que me aconteceu ainda pouco.

Sentada na parada do ônibus (pensando e longe), chega uma senhora e começa a atacar tudo que é ônibus (sim, por que aqui a gente ataca o ônibus!).

E de mais de 20 pessoas ela senta do meu lado e é claro, como eu tenho certeza que deve ter algo na minha testa escrito "informações aqui!" (que só eu não vejo). A senhora me olha, eu olho pra ela...

Ela: Que ônibus passa nas "Casas Ba.."
Eu toda simpática: Qualquer um que vá para a rodoviária...

.... (meia hora passada)..

Eu já irritada de tanto esperar, chega meu ônibus e eu digo a senhora que aquele ônibus passa onde ela queria, mas era bom ela confirmar com o motorista.

Eu entro, e ela pergunta pro motorista.

O motorista foi grosseiro com ela, disse que não passava, e eu fui obrigada a me meter na conversa,

"- To loca então? Como não passa?"

Engraçado que comigo ele pensou duas vezes antes de ser grosseiro me olhou bem nos olhos e confirmou que na frente não passava, mas passava na esquina.

Custava ele ter dito isso pra senhora.

Ela entrou no ônibus, e sentou ao meu lado. Só não puxou conversa, mas eu senti nos olhos que ela ficou agradecida.

Foi meio que institivo defender aquela senhora.

Cheguei em casa e já entreguei bonitinho o motorista para a empresa de ônibus.

4 comentários:

FRAN "O Samurai" disse...

Olá!

Muitas vezes o próprio destino nos coloca no meio de situações que não nos pertence, mas acredito que, talvez somos escolhidos para estar naquele momento e hora para ajudar alguém que precisa, seja ela qual for...

Abraço.

Pattr!cia disse...

É revoltante a gente presenciar uma coisas dessas né! Acabei me lembrando da senhora que foi noticia essa semana ao telefonar para a policia e falar que viu policiais matando uma pessoa.
Se todos nós fizéssemos nossa parte as coisas seriam bem melhores.
Parabéns!!
Espero que esse motorista tenha aprendido a lição.
Beijos

Ana Lu disse...

Ei Lucí =]
Sempre que eu dou uma informação no ponto, por mais que eu tenha certeza, eu fico morrendo de medo de estar errado e a pessoa nunca achar seu destino, sou neurótica, hahaha.
Beijos

Pietro disse...

Denúncia!! A Lucí já deu muita informação erronea, mandou muita gente para lugar errado...