quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Era só uma menina...


"Ela é só uma menina
E eu pagando pelos erros que eu nem sei se cometi
Ela é só uma menina
E eu deixando que ela faça o que bem quiser de mim"

Romance Ideal - Paralamas do Sucesso

~♥~
Ando bem nostalgica. Revivo meu passado nos meus pensamentos. Na verdade eu procuro respostas dentro de mim. Nada é por acaso isso eu acredito e esses sentimentos dentro de mim devem estar ocultos sob alguma máscara do meu passado.

Minhas indagações sempre estão envolvidas em uma só questão: família. Dizem que é o alicerce de uma pessoa. Será?

Que alicerce eu tive?

Uma mãe envolvida demais com os problemas dos homens da casa: um marido bigamo e um filho drogado.

Um pai com vida dupla sem ao menos ter o vergonha de esconder os fatos e as provas.

Um irmão, que não bastando os problemas que os pais tinham resolveu levar mais alguns.

Quem era a menina?

Era eu. Aprendi a me virar sozinha. Nunca pude contar com essas pessoas que "viviam" comigo, cada um já vivia envolto demais pelos seus problemas. Eu era criança não tinha problemas e se reclamasse de alguma coisa eu apanhava.

Aprendi a não me calar. Aprendi mesmo apanhando que eu tenho que reclamar. Aprendi que verdade dói e era por isso que eu apanhava. Aprendi que as pessoas são egoístas. Aprendi a feri-las e a ofender com as verdades.

Com tudo isso, eu aprendi que eu poderia sim construir uma família.

Eu não desisti, hoje eu tenho uma família. Pequena mas feliz e é onde eu busco minhas forças quando esses fantasmas do passado vem bater na minha porta.

6 comentários:

KA disse...

Luci,
O passado faz parte de quem somos, isto é fato. Mas mesmo assim é preciso se libertar dele porque por mais que pareça esquecido sempre nos assola...
Cada um tem sua forma. Eu optei pela terapia.
Espero que você encontre sua maneira de superá-lo!
Bjs

Raquel Machado disse...

Oi flor, que texto profundo esse seu...sabe todos nos temos problemas e o importante e enfenta-los de frente como voce fez para mim nessa vida so temos uma pessoa a quem podemos recorrer a nos mesmo. Vim hoje tambem para te convidar a visitar o kriativa que está de cara nova e queria te oferecer meu link de reinauguração e meu award passa lá e me diz o que achou. Vou ficar contente com sua visita. Bjos no coração.

*** Cris *** disse...

Oi Luci,às vezes tb vivo eses momentos nostalgicos..faz parte da gente,né? Mas que bom que temos a nossa família, a que construimos com amor.
Bjs!

Ana Lu disse...

Nossa Luci, que história. Mas q bom q tudo passou e hj vc tem sua família!
=]
Bjoss

Thy disse...

Que história profunda...

Não podemos desistir nada, se desistirmos somos fracos!

beijos =*

Lusinha disse...

Com certeza Lu, a vida lhe deu uma nova chance, aproveita para reescrever sua história. ;)
Bjitos!