domingo, 28 de junho de 2015

seria melhor...

Sabe aquela paz que eu tanto procurava?
 
É. Ela chegou com o inverno. Dias frios para dormir melhor. Chuva fina. Calmaria. Meios sorrisos. Nada de preocupações.
 
E daí?
 
Daí que não é para mim.
 
Preciso de "lutas" para me sentir viva.
 
Preciso como o ar para eu respirar.
 
Acordar todos os dias e saber que está tudo dentro do controle, é bom... mas saber que eu tenho que batalhar por alguma coisa é melhor ainda.
 
Talvez isso explique minhas paixões platônicas necessárias.
 
Eu preciso do que me tira do eixo.
 
Eu preciso do que me faz respirar mais forte.
 
É, eu sei que sou mal agradecida.
 
Que os anjos me perdoem.
 
Por que eu não consigo me perdoar.

Nenhum comentário: