quinta-feira, 18 de abril de 2013

Viver, reviver!

Ontem no final da tarde, descascando uma laranja... veio aquele cheirinho ... cheirinho de inverno! Laranja me lembra inverno, laranja me lembra infancia! E laranja me lembrou o blog.
 
Estive ausente, sem mais explicações. Vivendo e revivendo. Tanto que passou, tanto para escrever, tanta coisa boa, tanta coisa acontecendo e não só de alegrias... mas a vida é assim para uma "jovem mae de 31 anos".
 
Ela foi amada e desejada por demais. Minha pequena Lígia chegou, saudavel nos enchendo de alegrias e noites sem dormir e com ela trouxe a reaproximação da familia, muita doçura e muita personalidade em um ser tão pequeno.
 
Prometo aparecer com mais frequencia por agora, senti falta de escrever e realinhar meus pensamentos, acho que perdi o jeito, a pratica... e ainda bem que tenho um blog!
 
Eu nunca sonhei com você
Nunca fui ao cinema
Não gosto de samba não vou a Ipanema
Não gosto de chuva nem gosto de sol
 
E quando eu lhe telefonei, desliguei foi engano
O seu nome não sei
Esquecí no piano as bobagens de amor
Que eu iria dizer, não ... Lígia Lígia
 
Eu nunca quis tê-la ao meu lado
Num fim de semana
Um chopp gelado em Copacabana
Andar pela praia até o Leblon
 
E quando eu me apaixonei
Não passou de ilusão, o seu nome rasguei
Fiz um samba canção das mentiras de amor
Que aprendí com você
É ... Lígia Lígia
 
*Você se aproxima de mim
Com esses modos estranhos e eu digo que sim
Mas teus olhos castanhos
Me metem mais medo que um dia de sol
É... Lígia Lígia
 
**E quando você me envolver
Nos seus braços serenos eu vou me render

Mas seus olhos morenos
Me metem mais medo que um raio de sol
É... Lígia Lígia
 
Lígia (Tom Jobim)...
 
*Seu nome foi soprado em meus ouvidos em um sábado de inverno..*

Um comentário:

Ana Luísa disse...

Ei Lucí! Que bom que voltou, e com uma foto deliciosa dessa, gente! Parabéns pela chegada da Lígia!!