sábado, 28 de janeiro de 2012

Eu ia...



De tudo que "eu ia..." a única coisa mesmo que foi, foi a mudança de emprego, mas não de função. Passei pelo meu inferno astral, como todos os anos, os meses que antecendem meu aniversário são assim, infelizmente esses meses coincidem com o final de ano e talvez ai a origem pelo meu desprezo por essas festividades.

O inferno astral passou e trouxe reviravoltas para a minha vida, acho que isso já está se tornando rotina em minha vida nessa época do ano. Mas tudo se ajeitou e com o andar da carruagem as panelas foram se encaixando melhor e tudo se resolveu.

Com a oportunidade de emprego em outra cidade, eu ia me mudar para Itajaí, mas como eu sou chata e  tudo que olhei, os apartamentos que olhei nada me agradou, grande demais, burocracia demais, nao aceitavam bichos, só uma vaga de garagem, mal localização, e muita dor de cabeça. Vi várias casas, amei todas, preços ótimos, mas um único detalhe, o peso do medo da "enchente".

Colocado tudo na balança optei por ficar onde estou, menos gasto, tudo já adaptado, Cascão vive como um rei, só vou ter que encarar o ônibus, "eu ia" ir de moto, mas o problema não era nem ir, era voltar, o horário, a BR. Resumindo, vou trabalhar 6 horas, com cara de 8 por causa do ônibus, o lado bom é quem sabe eu tenho mais histórias de ônibus para contar.

No mais a vida continua, acredito que agora tudo voltará a normalidade, o fato de pensar em me mudar estava me deixando angustiada, pois é... "eu ia..."

Um comentário:

eutambemtenhoumblog disse...

Obrigado pelo teu comentário no meu blog =)

Beijocas